Dicas
 
 
Alguns tipos de problemas encontrados na rede elétrica:
  • 1. Subtensões:
  • 2. Blackout:
  • 3. Pico de Tensão:
  • 4. Surto:
  • E mais:

1. Subtensões:

Também conhecidas como quedas de voltagem, as subtensões são diminuições por curto período dos níveis de voltagem. Este tipo de problema é o mais comum abrangendo mais de 85% de todos os tipos de problemas de energia elétrica.

Normalmente as sub-tensões são causadas pelas exigências de energia na inicialização de equipamentos elétricos tais como máquinas, elevadores, motores, compressores, ar condicionados, etc. Em dias quentes, principalmente nos verões, quando sistemas de ar condicionados atingem seus picos de uso ou nos horários do início da noite quando a maioria dos chuveiros elétricos estão ligados, são os momentos mais prováveis das subtensões.

2. Blackout:

É a perda total de energia, também conhecida como "apagão".

A maior parte dos apagões regionais ou locais é causado por danos aos sistema de alimentação ou de transmisão das redes de transmissão de energia elétrica. Estes danos geralmente são pontuais e localizados, na maior parte das vezes relacionados a acidentes locais como queda de árvores, postes ou torres de transmissão, principalmente durante tempestades ou vendavais.

Os danos à infra-estrutura de transmissão de energia elétrica também podem ocorrer como decorrência de descargas elétricas (raios) simultâneas na rede ou em subestações, desde que provocando sobrecargas nos sistemas de transmissão, fusíveis ou transformadores. Nestes casos, ocorre a chamada sobrecarga elétrica geralmente ligada a um curto-circuito, quando a passagem de corrente elétrica é maior do que um circuito suporta devido à redução abrupta da impedância do mesmo. Normalmente o curto-circuito provoca danos tanto no circuito elétrico em que ocorre como no elemento que causou a redução de impedância.

3. Pico de Tensão:

Aumento de voltagem instantâneo.

Normalmente causado por um raio que caiu próximo a sua instalação ou pela própria companhia de energia elétrica, quando esta retorna com o fornecimento após interrupção de energia.

Um pico de energia pode penetrar em equipamentos eletrônicos através da linha de energia elétrica AC, conexões de rede, linhas seriais ou telefônicas e danificar ou destruir completamente seus componentes.

4. Surto:

Aparelhos de ar condicionados, equipamentos elétricos e outros podem causar o Surto. Quando o equipamento é desligado, a voltagem extra é dissipada pela linha de energia elétrica.
Existem duas formas de os surtos serem gerados em um equipamento eletrônico: via perturbações externas ou via resposta do próprio circuito eletrônico ao chaveamento.

Os casos típicos de surtos externos incluem:
1. Indução eletromagnética. É geralmente causada por raios que caem perto da rede elétrica, e induzem uma DDP muito alta na rede. Essa indução acontece quando uma corrente elétrica varia rapidamente, criando um campo eletromagnético que é absorvido pelos fios da rede elétrica ou telefônica, que atuam como antenas.

2. Condução pela rede. O chaveamento de cargas fortemente indutivas, como os motores elétricos, gera surtos que são causados pela força contra eletro-motriz. Isso ocorre porque um indutor opõe-se à variação de corrente elétrica. Quando ocorre o desligamento de uma chave - eletrônica ou não - a energia armazenada sob a forma de campo magnético força a passagem de corrente em sentido inverso ao sentido original. O resultado é um pulso rápido de alta tensão, conhecido como "spike".

E mais:

A proteção dos equipamentos eletrônicos contra os problemas mostrados é de primordial importância, evitando assim defeito nos equipamentos.


  Dicas para você economizar energia
  . Quando você viajar por um período longo, não se esqueça de desligar a chave geral da sua residência.
. Tomada quente é sinônimo de desperdício. Por isso evite o uso de benjamins que sobrecarregam as tomadas, aquecem os fios desperdiçando energia elétrica e podem causar acidentes. Use fios de espessura adequada, que suportem a potência dos seus aparelhos elétricos.
. Todos os eletrodomésticos possuem uma etiqueta que informa o quanto ele gasta de energia elétrica por hora. Essa informação geralmente é expressa em Watts (W). Por isso, antes de comprar, olhe sempre a etiqueta.
. Utilize seus aparelhos elétricos de acordo com as instruções do fabricante. A utilização inadequada dos equipamentos eletrodomésticos prejudica sua vida útil.
. Sempre que puder, utilize os aparelhos elétricos fora do horário de pico do sistema elétrico (de 17h30 às 20h30).
. Colocar garrafas de água em cima de caixas de medidores, além de não reduzir o consumo, pode provocar acidentes.
. Ao comprar um eletrodoméstico, procure o selo Procel de economia de energia.
   
 
                 
  CONTATO: +55 21 2446-0892 | contato@letech.com.br     LETECH INSTALAÇÕES ELÉTRICAS E PROJETOS © 2011 | Cliquei Network